Comportamento · Crônicas

Sobre Pessoas Aparentemente Felizes e Nossos Dias Ruins

Achei que era possível que os dias fossem totalmente legais, e que um dia eu poderia ser como pessoas famosas que postam fotos diariamente na internet pra nos mostrar o quanto nossas vidas são totalmente desinteressantes exatamente porque não são totalmente felizes.

Acordei, estava atrasada, peguei o carro, fui para o trabalho, a gasolina estava acabando, precisei abastecer. Chateei-me. Perto do trabalho, o pneu furou. Deixei o carro na rua. Fui andando. Voltou a chover. Cheguei cansada, com a roupa molhada e chateada.  Nesse mesmo dia, meu chefe me cobrou um relatório que tinha pedido na semana passada. Eu esqueci completamente. Briguei com a colega de trabalho. Senti fome, mas esqueci o dinheiro dentro do carro. Um amigo me ajudou a trocar o pneu. Fui pra casa, bati o carro. Não tive nada, mas arranhou toda a lateral. Meu salário é pouco, não paga o conserto.

“A vida é mesmo uma droga, não é? Adiantou ter tido um ótimo dia ontem? Hoje aconteceu tudo isso pra me lembrar que nada dá certo pra mim. Tenho certeza.” Não. Tudo aconteceu exatamente pelo fato de que eu não soube aprender que pessoas se atrasam para que aprendam a acordar mais cedo no dia seguinte, gasolinas acabam em momentos inesperados para que saibamos abastecer quando ela estiver perto de acabar. Quando se enxerga as coisas de forma negativa, você atrai sentimentos e momentos ruins que estarão te acompanhando até que veja o lado bom do que aconteceu.

E o dia feliz que tive ontem? Não foi feliz só pra mim. Aquela famosa que sigo no Instagram, que postou uma foto em Dubai exatamente no dia de ontem, terminou um relacionamento hoje. Não postou absolutamente nada. A mídia não divulgou porque ela pediu. Soube por uma amiga que tem contato com jornalistas. As pessoas querem que eu acredite que elas são totalmente felizes? Sim. Pessoas querem expor seus problemas para que nós percebamos que todos têm problemas? Não.

E é exatamente por isso que não sabemos lidar com a maioria das coisas ruins que acontecem conosco. Porque achamos que o dia está ruim apenas para nós, que a nossa vida é a única do mundo a ser cheia de problemas, que estamos atrasadas sozinhas, que fulana está em férias viajando para Miami e não é possível que além de estarmos indo trabalhar naquele emprego onde ganhamos pouco demais, estamos atrasadas e o carro sem gasolina.
Acredite: Exteriorizar momentos felizes e mostrar para mundo que você é a pessoa mais feliz da terra, não faz de ninguém um ser humano melhor. Nem soluciona os problemas da sua vida.

Experimente duas coisas:
Parar de acreditar que só você tem problemas.
Todas as vezes que problemas ou momentos ruins surgirem, se pergunte: o que posso aprender com isso?
E permita-se sentir. Saiba enxergar.
Acredite: O amadurecimento virá de uma forma incrível. E a vida passará a ser muito mais bonita.


BRUNAAABruna Figuerêdo. Baiana, Virginiana com ascendente em Câncer. Admiradora assídua da natureza, futura Pedagoga. Gosta de azul, de escrever, dançar e ler histórias de amor. Não gosta de matemática e tem medo do mar. Fala muito e transforma um mundo de informações que produz e recebe o tempo inteiro em palavras e projetos. E espera passar a vida fazendo exatamente isso.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s